Foto: Caca Bernardes

Eu sou um artista em trânsito, tendo a dança contemporânea como foco principal de atuação. No momento percorro os arquivos da dança ocidental observando os novos entendimentos sobre coreografia e a influência da performance na construção cênica, passeando por diversas áreas do saber, eruditos, popular e de massa, procurando outras abordagens do movimento e de questões em jogo no momento histórico em que vivemos.